Páginas

terça-feira, 28 de maio de 2013

AVALIAÇÃO OBJETIVA GRUPO 6. No Aeroporto





 No Aeroporto

Carlos Drummond de Andrade


Extraído de: Cadeira de balanço. Rio de Janeiro, Livraria José Olympio Editora, 1976, p. 61, 62.


 


Avaliação:
                                                 Prova objetiva / Dissertativa

Avaliar quanto o aluno aprendeu sobre os dados singulares e específicos do conteúdo.
Verificar a capacidade de analisar o problema central, formular ideias e redigi-las



1) A partir da leitura do texto é possível afirmar que o título é um indicador de que o aeroporto:
a) (  ) É o único espaço onde  acontece o enredo
b) (  ) Um dos espaços explorados  pelo narrador no enredo.
c) (  ) Não faz parte do enredo
d) (  )É o espaço exclusivo da imaginação do narrador

2) O enredo é apresentado por um narrador em 1 pessoa. Sobre esse narrador podemos afirmar que:
a) (  ) Apenas narra o que vê, sem participar dos fatos
b) (  )Imagina os fatos narrados sem tê-los vivenciado                                                                                                  c) (  )Participa dos fatos compartilhando-os com outros personagens
d) (  )Pedro é o narrador.

3) Assinale a alternativa que comprove que a narrativa está em 1 pessoa
a) (  ) “ gosta de óculos alheios”
b) (  ) “Devo dizer que Pedro como visitante, nos deu trabalho”
c) (  ) “ Sorria para os moradores”
d) (  ) “Acordaria cedo como de costume”

4) Ao longo do texto, o narrador vai construindo gradativamente a personagem Pedro. Mesmo assim no final o leitor é surpreendido.  Voltando ao texto é possível perceber vários indícios sobre a identidade do personagem. Aponte onde isso acontece.

5)Assim como há indicadores que poderiam levar o leitor a concluir que Pedro é apenas um bebê, há também estratégias construídas pelo narrador para desviar o foco do leitor para esta hipótese. Aponte no texto alguns desses momentos.

6) Das alternativas abaixo assinale a que revela não apenas uma característica da personagem de Pedro, mas também um julgamento do narrador:
a) “... Objetos que vissem em nossa mão requisitava”
b) “...Tinha horários especiais, comidas especiais, roupas especiais”
c) “... Acordava sorrindo como de costume”
d) “...que tem olhos azuis, cor que afasta qualquer suspeita sobre a razão íntima de seus    atos” 


Grupo 6

 Maria Lizzete
Carmem
Olga
Monica
Luciene
Heloisa